QUEM SOMOS

Mais que uma agência de comunicação que ensina ou um centro de formação profissional que presta serviços de comunicação, a Ethos é um núcleo multiplataforma especializado em Comunicação segmentada em Cultura e Artes em geral. Suas três frentes – Comunicação Estratégica, Produção de Conteúdo e Formação Profissional – foram sinergicamente desenhadas para oferecer, de forma completa, todas as experiências possíveis ligadas à comunicação no universo da cultura. Na Ethos você aprende com cursos ministrados por grandes nomes da cultura nacional, tem o suporte de um time de profissionais para a produção dos mais diversos tipos de conteúdo e ainda conta com um núcleo de comunicação estratégica pronto para ser o seu parceiro.

Ethos tem o objetivo de aprimorar relações, tanto intrapessoais – alunos e seu grau de conhecimento aplicado sobre determinado tema – quanto interpessoais (pessoas com instituições e mercado de trabalho e instituições com seus públicos de interesse), sempre a partir de estratégias alinhadas às necessidades subjetivas e com base na expertise de mais de duas décadas do fundador nos campos de Comunicação voltada a Cultura e Artes. Saiba um pouco mais sobre os criadores da Ethos:

FRANTHIESCO BALLERINI

Fundador

Finalista do 60º Prêmio Jabuti pelo livro ‘Poder Suave – Soft Power’, Franthiesco Ballerini é jornalista e doutorando em Comunicação Midiática, Processos e Práticas Socioculturais, com especialização em audiovisual e jornalismo cultural. Foi contemplado com a bolsa Prosuc/Capes para projetos interdisciplinares e multidisciplinares, com a qual dá prosseguimento à pesquisa sobre poder suave.

Iniciou a carreira como trainee de comunicação de grandes empresas, como Akzo Nobel e Novartis, tendo ingressado num dos maiores jornais da América Latina, ‘O Estado de S.Paulo’, ainda muito jovem. Acumulou experiência de repórter, redator, crítico de cinema e correspondente em países como EUA, Índia, Canadá, México e Argentina. Em mídia impressa, colaborou para revistas especializadas como ‘Cult’ e ‘Bravo!’. No rádio, atuou como colunista cultural da Rádio Eldorado e, na televisão, como colunista de cinema para a TV Gazeta. Atualmente, é colunista de jornalismo cultural no Observatório da Imprensa.

Antes de fundar a Ethos Comunicação & Arte, acumulou também quase uma década de experiência acadêmica. Foi coordenador geral da Academia Internacional de Cinema, tendo gerenciado uma equipe de colaboradores e professores e desenvolvido mais de 40 cursos livres. Conhece o ensino de comunicação e de artes a fundo, atuando como professor de grandes instituições como FAAP, UMC, Universidade Cruzeiro do Sul e Faculdades Integradas Rio Branco. Ministrou palestras e master classes sobre cinema e jornalismo na Universidade de Chicago, Universidade de Illinois e Loyola University, nos EUA. É também elaborador e revisor técnico de jornalismo para o Enade (Ministério da Educação), elaborou Media Training para grandes empresas como Walt Disney, e Workshops Motivacionais de Cinema para colaboradores de empresas como o Google Brasil.

Seus livros são referência no mercado. ‘Diário de Bollywood’ é o primeiro livro em língua portuguesa sobre o cinema indiano no mundo; ‘Cinema Brasileiro no Século 21’ é consulta obrigatória para quem estuda e trabalha com audiovisual no Brasil; ‘Jornalismo Cultural no Século 21’ é fruto de três anos de pesquisa e atualização editorial nesta especialização; e ‘Poder Suave – Soft Power’, com prefácio do ex-ministro da Cultura Juca Ferreira, é publicação única no mundo, abordando o poder de persuasão da arte e entretenimento. Produziu filmes, como o documentário ‘Bollyworld’ e ‘Legacy’, este feito para a marca italiana Giorgio Armani, além de ‘Nome’, seu primeiro trabalho de direção e roteiro, tendo participado de seis festivais nacionais e internacionais.

PORTFÓLIO